sábado, 16 de maio de 2015

Don Stevenson - King Of The Fools

Cover
Músico: Don Stevenson
Disco: King Of The Fools
Ano: 2010
Gênero: Folk Rock, Blues Rock
Faixas:
1. Getting Used To Being Treated Wrong (2:34)
2. Walking In The Fire (3:54)
3. Laa Laa (I Want To Be With You) (4:07)
4. I'll Be There For You (4:12)
5. Train (44 Blues) (3:49)
6. We Gonna Make It (4:13)
7. King Of The Fools (6:25)
8. Forbidden Love In Paradise (3:23)
9. Love Is Slipping Away (3:18)
10. True Love Song (2:25)
11. Cornbread, Peas And Black Molasses (1:49)
Não se conseguiu descobrir a autoria das músicas.
Créditos (conhecidos):
Don Stevenson: Vocals, Drums
Jerry Miller: Guitar, Vocals
Bobby Black: Pedal Steel
Scott Barnhill: Saxophone
Melody Price: Harmony Vocals
Aoife O'Donovan: Harmony Vocals
http://twixar.me/lT2
Biografia:
Don Stevenson (nascido em 15 de outubro de 1941, em Seattle, Washington, EUA) foi baterista, cantor e compositor da Moby Grape, banda formada em São Francisco, Califórnia, EUA, em 1966, e que continua a apresentar-se eventualmente.
Don Stevenson obteve, no início, o reconhecimento local como membro da Frantics, um grupo de Seattle, que incluía seu amigo Jerry Miller (de Tacoma, Washington, EUA) na guitarra. A banda deslocou-se para São Francisco em 1966 e formou o núcleo da Moby Grape.
A posição de Stevenson na Moby Grape era parecida, embora anterior, à de Don Henley na Eagles, ocupando o posto de baterista e sendo um dos principais compositores e vocalistas da banda.
3Com Jerry Miller, Stevenson é coautor de três das melhores canções da Grape: "Hey Grandma" e "8:05", ambas do primeiro disco, homônimo, de 1967, e "Murder In My Heart For The Judge", do álbum "Wow", de 1968. As músicas mereceram regravações: a banda Three Dog Night e o cantor Lee Michaels gravaram "Murder In My Heart For The Judge", Robert Plant gravou "8:05" e a banda Move gravou "Hey Grandma". Stevenson continuou a compor com Miller durante a gravação dos quatro discos da Grape pela Columbia Records, entre 1967 e 1969. Nos anos posteriores, nos álbuns "20 Granite Creek", de 1971, e "Legendary Grape", de 1989, Stevenson colaborou com composições próprias, sem a parceria de Miller.
Stevenson é o único ex-membro da Grape a desenvolver atividade musicais e extramusicais. Ele tornou-se conhecido no ramo imobiliário, vendendo lotes em Whistler, um resort local onde mantém residência, localizado em British Columbia, Canadá.
2
Em 2007, Stevenson apareceu com a Grape no 40° aniversário do "Summer Of Love", em São Francisco. Em 2010, ele se apresentou com Miller e Omar Spence (filho de Skip Spence, ex-companheiro da Grape, já falecido) no festival South By Southwest, compartilhando os vocais com Miller e tocando uma série de clássicos da Grape, além de material novo, composto e gravado com Miller em 2009.
Apesar do sucesso como cantor, compositor e músico, Stevenson era, até 2010, o único ex-integrante da Grape que ainda não lançara um disco solo. No final de 2010, porém, seu primeiro trabalho individual, "King Of The Fools", veio à tona. Conforme descrito pelo famoso crítico David Fricke, "a música é uma mistura envolvente de country, blues e R&B, similar às gravações solos de Jerry Garcia, mas com um modo mais rústico de cantar e tocar, com a vantagem das guitarras e harmonias de Miller" (Wikipedia; tradução livre do inglês).

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...