sábado, 29 de março de 2014

The J. Geils Band - Blow Your Face Out

Banda: The J. Geils Band
Disco: Blow Your Face Out
Ano: 1976(*)
Gênero: Blues Rock, Boogie Rock, Hard Rock
Faixas:
1. Southside Shuffle (Peter Wolf, Seth Justman) 4:16
2. Back To Get Ya (Peter Wolf, Seth Justman) 4:38
3. Shoot Your Shot (Autry DeWalt, Lawrence Horn, James Graves) 3:56
4. Musta Got Lost (Peter Wolf, Seth Justman) 6:34
5. Where Did Our Love Go (Eddie Holland, Lamont Dozier, Brian Holland) 4:00
6. Truck Drivin' Man (Terry Fell) 1:52
7. Love-Itis (Harvey Scales, Albert Vance) 4:05
8. Intro: (Lookin' For A Love) (James Alexander, Zelda Samuels) 2:06
9. (Ain't Nothin' But A) Houseparty (Del Sharh, Joseph Thomas) 5:04
10. So Sharp (Arlester Christian) 2:38
11. Detroit Breakdown (Peter Wolf, Seth Justman) 6:25
12. Chimes (Peter Wolf, Seth Justman) 8:56
13. Sno-Cone (Albert Collins) 3:04
14. Wait (Peter Wolf, Seth Justman) 3:44
15. Raise Your Hand (Eddie Floyd) 4:08
16. Start All Over (Peter Wolf, Seth Justman) 2:21
17. Give It To Me (Peter Wolf, Seth Justman) 6:52
Créditos:
Peter Wolf: Vocals
Seth Justman: Keyboards, Vocals
J. Geils: Guitar
Magic Dick: Harp
Danny Klein: Bass
Stephen Jo Bladd: Percussion, Vocals
Gravado ao vivo no The Boston Garden, Boston, Massachusetts, EUA, em 15 de novembro de 1975, e no Cobo Hall, Detroit, Michigan, EUA, em 19 de novembro de 1975.

Biografia:
Formada em Boston, Massachusetts, EUA, em 1969, a banda – J. Geils (nome verdadeiro: Jerome Geils, nascido em 20 de fevereiro de 1946, em New York, EUA; guitarra), Peter Wolf (nascido em 7 de março de 1947, em New York, New York, EUA; vocal), Magic Dick (nome verdadeiro: Richard Salwitz, nascido em 13 de maio de 1945, em New London, Connecticut, EUA; harmônica), Seth Justman (nascido em 27 de janeiro de 1951, em Washington, DC, EUA; teclados), Danny Klein (nascido em 13 de maio de 1946, em New York, EUA; baixo) e Stephan (sic) Jo Bladd (nascido em 31 de julho de 1942, em Boston, Massachusetts, EUA; bateria) – foi inicialmente conhecida como J. Geils Blues Band.
Seus dois primeiros discos fundavam-se num vigoroso e primitivo R&B, incentivando comparações com a Butterfield Blues Band. Versões de músicas de Albert Collins, Otis Rush e John Lee Hooker mostraram um talento inquestionável, e com Wolf na pele de um extrovertido frontman, a banda rapidamente virou atração em suas apresentações ao vivo. "Bloodshot", de 1973, disco de ouro nos Estados Unidos, introduziu o grupo para um público maior, mas, ao mesmo tempo, sinalizou uma desaceleração que acabou afetando os lançamentos subsequentes (nota minha: a afirmação de Larkin parece-me temerária, pois, ao meu ver, o disco ainda mostra a banda tocando blues rock no seu estilo energético inicial, tanto que várias faixas dele compuseram o eletrizante álbum ao vivo "Blow Your Face Out", de 1976, ora postado).
A principal exceção aconteceu com "Monkey Island", de 1977, em que Wolf, Geils e Magic Dick recuperaram a chama e a emoção dos dois primeiros álbuns.
A banda trocou a Atlantic Records pela EMI Records, no final dos anos 70, e assegurou um robusto sucesso internacional, em 1982, com a picante "Centrefold" (nota minha: faixa 10 do disco "Showtime!", de 1982). Agora divorciada de suas raízes bluseiras, a J. Geils Band mostrava-se insegura quanto ao rumo musical a tomar, incerteza enfatizada em 1984, quando Wolf deixou a banda, no meio de uma gravação, para seguir carreira solo.
Já sem Wolf, o grupo concluiu o derradeiro disco, "You're Gettin' Even, While I'm Gettin' Old" (nota minha: lançado em 1984). Geils e Magic Dick reuniram-se durante o início dos anos 90 para formar a Bluestime, uma banda bluseira. Em 2004, Geils gravou com o guitarrista Duke Robillard (The Encyclopedia Of Popular Music. Compiled and edited by Colin Larkin. New York: Omnibus Press, 2007, p. 586; tradução livre do inglês).

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...