quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

John Kay - Discografia essencial

Músico: John Kay
Gênero: Blues Rock, Hard Rock
 
Cover
Disco: Forgotten Songs & Unsung Heroes
Ano: 1972(*)
Faixas:
1. Many A Mile (Sky) 4:31
2. Walk Beside Me (Kay) 5:14
3. You Win Again (Williams) 4:04
4. To Be Alive (Kay) 5:01
5. Bold Marauder (M. Fariña, R. Fariña) 5:09
6. Two Of A Kind (Kay) 6:01
7. Walkin' Blues (Johnson) 2:47
8. Somebody (Kay) 4:11
9. I'm Movin' On (Snow) 3:12
Créditos:
John Kay: Bottleneck Guitar, Dulcimer, Guitar, 12 String Guitar, Electric Guitar, Harp, Vocals
George Biondo: Bass
Whitey Glan: Drums
Kent Henry: Guitar
Hugh Sullivan: Keyboards
Richard Podolor: Jawbone, Mandolin, Organ, Tambourine
Alexandra Sliwin: Vocals
Joan Sliwin: Vocals
Marsha Temmer: Vocals
(*) CD lançado em 2008.
http://www.filefactory.com/file/6zwcn10wyh2h/JOKAFSUH_rar
Cover
Disco: My Sportin' Life
Ano: 1973(*)
Faixas:
1. Moonshine (Friend Of Mine) (Emmerson) 2:46
2. Nobody Lives Here Anymore (Kay) 4:00
3. Drift Away (Williams) 4:04
4. Heroes And Devils (Armand, Chater) 3:08
5. My Sportin' Life (Kay) 5:12
6. Easy Evil (O'Day) 3:36
7. Giles Of The River (Fagen, Becker) 3:30
8. Dance To My Song (Kay) 4:06
9. Sing With The Children (Davies) 6:36
Créditos:
John Kay: Guitar, Harmonica, Vocals
Kent Henry: Guitar
Danny Kortchmar: Guitar
Richard Podolor: Keyboards, Mandolin
Darryl Dragon: Keyboards
Larry Knechtel: Keyboards
Alan O'Day: Keyboards
Hugh O'Sullivan: Keyboards
Mike Utley: Piano
George Biondo: Bass
Bill Cooper: Bass
Leland Sklar: Bass
Pentti Glan: Drums
Russ Kunkel: Drums
Stan Farber: Vocals
Venetta Fields: Vocals
Gloria Jones: Vocals
Sherlie Matthews: Vocals
Gene Morford: Vocals
(*) CD lançado em 2008.
http://www.filefactory.com/file/76c86ceywxa7/STECROPWALHFMF.rar
Cover
Disco: All In Good Time
Ano: 1978(*)
Faixas:
1. Give Me Some News I Can Use (3:20)
2. The Best Is Barely Good Enough (3:57)
3. That's When I Think Of You (3:53)
4. Ain't Nobody Home (In California) (3:30)
5. Ain't Nothin' Like It Used To Be (3:36)
6. Business Is Business (3:38)
7. Show Me How You'd Like It Done (3:43)
8. Down In New Orleans (3:13)
9. Say You Will (3:59)
10. Hey, I'm Alright (3:39)
Músicas de autoria de John Kay.
Créditos:
John Kay: Guitar, Harmonica, Vocals
Larry Byrom: Lead Guitar
Clayton Ivey: Keyboards
Roger Clark: Drums
Bob Wray: Bass
Muscle Shoals Horns: Horns
(*) CD lançado em 2004.
http://www.filefactory.com/file/76c86ceywxa7/STECROPWALHFMF.rar
Cover
Disco: Heretics & Privateers [Bonus Tracks]
Ano: 2001
Faixas:
1. Heretics & Privateers (4:46)
2. Don't Waste My Time (3:17)
3. Ain't That A Shame (4:07)
4. Dodging Bullets (4:48)
5. She's Got The Goods (4:17)
6. For The Women In My Life (4:31)
7. To Be Alive (4:39)
8. I Will Not Be Denied (3:46)
9. Endless Commercial (3:35)
10. The Ice Age (4:09)
11. Sleep With One Eye Open (4:21)
12. The Back Page (3:24)
13. She's Got The Goods [Acoustic] [Bonus Track] 3:45
14. For The Women In My Life [Acoustic] [Bonus Track] 4:27
15. I Will Not Be Denied [Acoustic] [Bonus Track] 3:40
16. Endless Commercial [Acoustic] [Bonus Track] 3:28
Músicas de autoria de John Kay, menos "For The Women In My Life", composta por John Kay e Michael Wilk, e "Ain't That A Shame, composta por John Kay, Rocket Ritchotte e Michael Wilk.
Créditos:
John Kay: Vocals, Acoustic Guitar, Resophonic Guitar, Electric Guitar
John Gardner: Drums (faixas 5, 8, 9)
Mike Henderson: Electric Slide Guitar (faixas 5, 9), Harp (faixa 3)
John Jarvis: Piano (faixas 5, 8, 9)
Glenn Worf: Electric Bass (faixas 5, 8, 9), Upright Bass (faixas 2, 4, 10)
Larry Byrom: Electric Guitar (faixa 8)
Steve Cropper: Electric Guitar (faixa 3)
Jimmy Hall: Harp (faixas 2, 4, 10)
Ron Horst: Drums (faixa 2)
Danny Johnson: Electric Guitar (faixas 1, 3, 6, 7)
Gary Nicholson: Resophonic Guitar (faixa 8)
David Posey: Drums (faixas 1, 3, 6, 7)
Lex Price: Bass (faixas 1, 3, 6, 7), Mandolin (faixa 6)
Mike Utley: Piano (faixa 3)
Michael Wilk: Organ (faixas 3, 8), Fretless Bass (faixa 11), Keyboards (faixa 11), Percussion (faixa 11)
http://www.filefactory.com/file/76c86ceywxa7/STECROPWALHFMF.rar

Biografia:
John Kay, alemão-canadense-americano, cantor de rock, compositor e guitarrista, mais conhecido como vocalista da Steppenwolf, nasceu em 12 de abril de 1944, em Tilsit (atualmente é a cidade de Sovetsk, em Kaliningrad, Rússia) e seu nome verdadeiro é Joachim Fritz Krauledat.
1Durante a evacuação da Prússia Oriental, no início de 1945, em meio a rigoroso inverno, sua mãe obrigou-se a escapar do avanço das tropas soviéticas, com ele a tiracolo. Em 1948, os dois também saíram de Arnstadt (uma cidade da Alemanha, capital do distrito de Ilm-Kreis, Estado da Turíngia), agora por causa da ocupação soviética, indo para Hanover (capital do Estado alemão da Baixa Saxônia), tal como relatado por Kay em sua canção "Renegade", do disco "Seven", da Steppenwolf. Posteriormente reassentado na zona de ocupação britânica, o adolescente Joachim, com problema de visão, ouvia a música difundida pela rádio das Forças Armadas Britânicas antes de mudar-se, com sua família, para o Canadá, em 1958.
6Em 1965, Kay juntou-se ao Sparrows, grupo de folk e blues rock que fez um relativo sucesso no Canadá e que, em 1967, se transferiu para a Califórnia, nos Estados Unidos, aumentando o lineup e trocando o seu nome para Steppenwolf. Pioneira do hard rock e do heavy metal, a Steppenwolf afamou-se internacionalmente graças às canções "Born To Be Wild", "Magic Carpet Ride", "Monster", "The Pusher" e "Rock Me". Sucesso que se multiplicou com a utilização de "Born To Be Wild" e "The Pusher" na trilha sonora do filme "Easy Rider" (nota minha: no Brasil, "Sem Destino"), de 1969.
7No final dos anos 70, Kay gravou discos solos e também com a Steppenwolf, adicionando, porém, o seu nome antes da designação da banda: John Kay & Steppenwolf.
No aniversário dos 40 anos de carreira da Steppenwolf, Kay participou da turnê comemorativa, programada para ser a derradeira performance da banda. Entretanto, em 24 de julho de 2010, ele reunificou o grupo e apresentou-se no festival de música HullabaLOU, em Lousville, Kentucky, EUA.
8Em 2004, apesar de nunca ter obtido a cidadania canadense, Kay teve seu nome inscrito na Calçada da Fama do Canadá, em reconhecimento ao fato de haver iniciado sua carreira em Toronto. Comparecendo à cerimônia, realizada em Toronto, ele reiterou sua grande afeição pelo Canadá.
Kay padece de extrema sensibilidade à luz, e por isso usa óculos escuros, que acabaram se tornando sua marca registrada. Ele também sofre de acromatopsia congênita (daltonismo completo), um defeito das células cone dos olhos, que retira a cor da sua visão (enxerga em preto e branco) e provoca deficiência visual. Mesmo assim, tornou-se um ávido cinegrafista (Wikipedia; tradução livre do inglês).

4 comentários:

geoffc disse...

Forgotten Songs & Unsung Heroes...... A brilliant album. Many thanks for upping it.

Indignaldo Silva disse...

You're welcome, geoffc.

Anônimo disse...

Thanks so much. Just bought an original LP second-hand!
//dmpab

Indignaldo Silva disse...

You're welcome, anonymous.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...