sábado, 28 de setembro de 2013

The Blues Brothers - The Definitive Collection

Cover
Banda: The Blues Brothers
Disco: The Definitive Collection
Ano: 1992
Gênero: Blues, Blues Rock, Soul
Faixas:
1. Opening: I can't turn you loose (Otis Redding) 1:50
2. Hey bartender (Floyd Dickson) 3:01
3. Messin' with the kid (Mel London) 3:34
4. (I got everything I need) Almost (Don Walsh) 2:48
5. Rubber biscuit (C. Johnson) 2:53
6. I don't know (Willie Mabon) 4:15
7. Soul man (David Porter, Isaac Hayes) 3:21
8. Who's making love (Banks, Crutcher, Davis, Jackson) 3:34
9. Do you love me (Berry Gordy, Jr.)/Mother popcorn (You got have a mother for me) (James Brown, Alfred Ellis) 3:39
10. Guilty (Randy Newman) 2:56
11. Riot in cell block number nine (Jerry Leiber, Mike Stoller) 3:29
12. From the bottom (Sonny Boy Williamson) 3:25
13. Going back to Miami (Wayne Cochran) 3:57
14. Everybody needs somebody to love (Wexler, Berns, Burke) 3:20
15. Expressway to your heart (Gamble, Huff) 3:17
16. Sweet home Chicago (Woody Payne) 7:47
17. Closing: I can't turn you loose (Otis Redding) 0:45
18. Shake your tailfeather (O. Hayes, A. Williams, V. Rice) 2:48
19. Think (Ted White, Aretha Franklin) 3:15
20. Gimme some lovin' (Steve Winwood, Muff Winwood, Spencer Davis) 3:04
Créditos:
Joliet Jake Blues (a.k.a. John Belushi): lead vocals, background vocals (faixa 18)
Elwood Blues (a.k.a. Dan Aykroyd): harmonica, lead vocals (faixa 5), background vocals
Ray Charles: lead vocals (faixa 18)
Aretha Franklin: lead vocals (faixa 19)
Paul "The Shiv" Shaffer: keyboards (faixas 1-13, 17), background vocals (faixas 5, 1-13, 15, 17)
Steve "The Colonel" Cropper: guitar (faixas 1-13, 17)
Matt "Guitar" Murphy: guitar (faixas 1-13, 17)
Donald "Duck" Dunn: bass (faixas 1-13, 17)
Steve "Getdwa" Jordan: drums (faixas 1-13, 17), background vocals (faixas 5, 1-13, 15, 17), additional drums (faixa 20)
Lou "Blue Lou" Marini: sax [tenor, alto] (faixas 1-13, 17), background vocals (faixas 5, 1-13, 17)
Alan "Mr. Fabulous" Rubin: trumpet (faixas 1-13, 17), background bocals (faixas 5, 1-13, 17), horn section
Tom "Triple Scale" Scott: sax [tenor, alto] (faixas 1-13, 17), background vocals (faixas 5, 1-13, 17), horn section
Tom "Bones" Malone: sax [tenor, baritone] (faixas 1-13, 17), trombone (faixas 1-13, 17), trumpet (faixas 1-13, 17), background vocals (faixas 5, 1-13, 17), horn section
Murphy "Murph" Dunne: keyboards (faixas 8-14, 16)
Willie Hall: drums (faixas 14, 16, 18-20)
Jeff Mironov: additional guitar (faixa 8)
Elliott Randall: additional guitar (faixa 20)
Patty Austin: background vocals (faixa 4)
Vivian Cherry: background vocals (faixa 4)
Ullanda McCullough: background vocals (faixa 4)
Brenda Corbett: bacground vocals (faixa 19)
Margaret Branch: background vocals (faixa 19)
Carolyn Franklin: background vocals (faixa 19)
Coletânea extraída dos seguintes discos: "Briefcase Full Of Blues", de 1978 (faixas 1-7 e 17); "Made In America", de 1980 (faixas 8-13); "The Best Of The Blues Brothers", de 1981 (faixa 15); "The Blues Brothers [Original Soundtrack]", de 1980 (faixas 14, 16-20).
Postagem
Biografia:
A biografia da banda, que segue, em tradução livre do inglês, foi extraída do site Oldies, que, por sua vez, cita, como fonte primária do texto, a Encyclopedia Of Popular Music, de Colin Larkin (sob licença da editora Muze).
Formado em 1978, esse grupo americano centrou-se nos comediantes John Belushi (nascido em 24 de janeiro de 1949, em Chicago, Illinois, EUA, e morto em 5 de março de 1982, em Los Angeles, California, EUA) e Dan Aykroyd (nascido em 1 de julho de 1952, em Ottawa, Ontario, Canadá). Famoso pelas contribuições para a equipe do satírico National Lampoon e para o programa televisivo humorístico Saturday Night Live, o duo desenvolveu seu soul retrô em resposta ao som disco (nota minha: no Brasil, o gênero ficou conhecido como "som de discoteca" ou "som de boate"). Assumindo os apelidos Joliet "Jake" Blues (Belushi) e Elwood Blues (Aykroyd), a dupla embarcou numa série de apresentações ao vivo com a cobertura de um time de craques, que incluía Steve Cropper (guitarra), Donald "Duck" Dunn (baixo) e Tom Scott (saxofone). "Briefcase Full Of Blues" alcançou o topo das paradas americadas, um sucesso que influenciou a realização do filme "The Blues Brothers" (no Brasil, "Os Irmãos Cara-de-Pau"), em 1980. Embora malhado por parte da crítica, não havia como negar o entusiasmo revigorante que os participantes do filme trouxeram ao R&B e o status cult concedido à fita.
1Um afetuoso, ainda que anárquico, tributo ao soul e R&B, o filme contou com atuações destacadas de Aretha Franklin, Ray Charles, John Lee Hooker e James Brown. A morte de Belushi por overdose de drogas, em 1982, acarretou o fim prematuro do grupo, ao menos da forma como foi concebido originalmente, e desde então Aykroyd continuou sua exitosa carreira de ator. No entanto, vários músicos da banda, incluindo Cropper e Dunn, excursionaram e gravaram sob o o nome Blues Brothers Band. O grupo original também inspirou numerosas bandas dedicadas a tocar suas músicas ou lhe prestarem tributo, e que ainda atraem um público considerável, mesmo decorridos mais de 20 anos do lançamento do filme. Em agosto de 1991, o interesse pelo projeto primitivo foi novamente impulsionado através de uma produção teatral no West End londrino. Uma seqüencia duramente criticada do filme, intitulada "Blue Brothers 2000" (nota minha: no Brasil, "Os Irmãos Cara-de-Pau 2000"), foi lançada em 1998, com John Goodman, ex-astro da série de televisão "Roseanne", no lugar de Belushi.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...